Sem estoque Informe o seu e-mail e o notificaremos assim que o produto chegar em nosso estoque:


Enviar Cancelar
Out of stock!
Insira seu e-mail para ser informado quando este produto chegar:
Enviar Fechar
Por Que São Tomás Criticou Santo Agostinho Avicena e o Ponto de Partida de Duns Escoto

Por Que São Tomás Criticou Santo Agostinho Avicena e o Ponto de Partida de Duns Escoto

- Editora:  Paulus
- Autor:  Etienne Gilson
- Categorias: OFERTAS DO BERNARDO / Até 25%
- Disponibilidade: Em estoque
R$ 37,00 R$ 35,15 (-5%)
Qtd:

Descrição

Geralmente, concorda-se em considerar a substituição da doutrina de Santo Agostinho por uma nova síntese doutrinal como o acontecimento filosófico importante que poderia ter ocorrido ao longo do século XIII. Se precisássemos indicar o ponto crítico em que se estabelece a dissociação entre a antiga escolástica e a nova, sem dúvida nenhuma seria conveniente escolhermos a teoria do conhecimento. Antes de Tomás de Aquino, a adesão à doutrina agostiniana da iluminação divina é praticamente unânime depois de Tomás de Aquino, tal consenso deixa de existir, de modo que até mesmo o doutor franciscano João Duns Escoto abandona, quanto a esse aspecto essencial, a tradição agostiniana da qual sua Ordem havia sido até então o mais fiel sustento. Não vê-se muita razão para que o agostinismo precisasse um dia ser posto à prova, no interior do próprio cristianismo, a menos que sua sorte não tivesse se encontrado vinculada, pelas circunstâncias, àquela de uma filosofia não cristã, que o introduziu em sua própria condenação. Essa é a hipótese que gostaríamos de submeter à prova dos fatos, procurando a influência que o pensamento de Avicena pode ter exercido sobre os destinos do agostinismo medieval.

Ficha Técnica:
Número de Páginas: 183
Editora: Paulus
Idioma: Português
ISBN: 978-85-349-3164-9
Dimensões do Livro: 16 x 23 cm